Governador Busca Medidas Urgentes para Saúde

sábado, 8 de janeiro de 2011

Governador de Rondônia esteve em Brasília no último dia 7 de Janeiro, com vistas a buscar soluções emergenciais para saúde do Estado, que vale ressaltar, está um caos.

Em Brasília reuniu-se com o Ministro da Defesa, Nelson Jobim, e logo após, com a Secretária Executiva do Ministério da Saúde – Dra. Márcia Amaral.

Ao retornar de viagem, o Governador Confúcio Moura publicou em seu Blog um breve relatório, conforme se lê abaixo:
 

RELATÓRIO

Pauta da viagem – Audiências nos Ministérios da Saúde e Defesa

Objetivo – apresentar ao Governo Federal a situação crítica em que se encontra o atendimento médico de urgência e emergência no Pronto Socorro João Paulo II

Componentes do Governo – Confúcio Moura (Governador); e
Dr. Alexandre Muller (Secretario de Estado da Saúde).

Data da saída de Porto Velho – 7 de janeiro de 2011 (1 h)
Data do retorno - 8 de janeiro de 2011 (1 h chegada ao Estado)

1) 11 h - Audiência com o Ministro da Defesa Nelson Jobim. Foi entregue a ele um relatório fotográfico e um DVD que mostra a situação caótica do Pronto Socorro João Paulo II e o pedido de cooperação com o setor saúde das Forças Armadas, com médicos e enfermeiros, além de estrutura de “campanha” por um período determinado, até que se planeje e organize os fluxos de atendimento no Estado;

2) 12 h – audiência com a Secretária Executiva do Ministério da Saúde – Dra. Márcia Amaral, com os mesmos argumentos;

3) 13h – Protocolo de documentos e decreto do governo com argumento de “situação de emergência” no setor saúde do Estado, principalmente, na urgência e emergência.

Observações:

• Os argumentos foram bem recebidos pelo Ministro Nelson Jobim, que ficou encarregado de fazer a articulação entre os outros ministérios, com uma resposta conjunta do Governo Federal às 16 h do mesmo dia;

• Na audiência com o Ministro da Saúde, senti que é favorável a uma cooperação imediata e ao mesmo tempo prometeu acelerar a liberação de recursos, segunda parcela, para Porto Velho poder concluir as UPAS (unidades de pronto atendimento – são três unidades) e aguarda o novo orçamento do Estado para publicar portaria da UPA de Ariquemes, Ji-Paraná e Cacoal;

• Às 17 h o Ministro Nelson Jobim, através do seu porta-voz Brigadeiro Zanella já tinha posição definida – que enviaria a Rondônia uma equipe multiministerial – dois das Forças Armadas, um do Ministério da Saúde e outro do Ministério da Integração Regional para avaliar a situação e definir o modelo de cooperação a ser estabelecida.

Era o que tinha a relatar.

CONFÚCIO MOURA
GOVERNADOR

Fonte: Blog do Confúcio Moura as 08:24h de 08.01.2011



Confira o álbum