POSSE DO GOVERNADOR CONFÚCIO MOURA

domingo, 2 de janeiro de 2011

A Casa Militar trabalhou ativamente nos momentos que antecederam até a conclusão dos eventos alusivos à posse e transmissão do cargo de governador os quais ocorreram no dia 1º de janeiro de 2011. A nova equipe de Oficiais e Praças da Casa Militar comandada pelo Major PM Gualberto, em seu primeiro dia de trabalho demonstrou profissionalismo quando, com apoio da equipe anterior, planejou e executou a segurança das autoridades envolvidas no evento, bem como realizou vistorias de segurança nos locais dos eventos, abaixo um resumo dos acontecimentos.


Em solenidade organizada pela Assembleia Legislativa do Estado na casa de Show Nautillus, em Porto Velho, Confúcio Moura foi empossado Governador do Estado de Rondônia pelo presidente da Assembleia, Deputado Neodi Oliveira. Em seu discurso reiterou que executará alguns projetos que ele considera urgentes como é o caso
da Saúde. “Enquanto eu não tirar pacientes do chão dos hospitais, não vou inaugurar nenhuma obra”, disse Confúcio ao lembrar que ele foi um dos responsáveis pela implantação do SUS em Rondônia.


UMA NOVA RONDÔNIA
“A Nova Rondônia é um simples slogan de campanha. É a Rondônia de sempre investida de novos compromissos. E tudo que a primeira vista pode ser simbólica, passa a se concretizar com algumas ações simples”, afirmou o Governador.


INCENTIVOS FISCAIS
Os incentivos fiscais serão um poderoso instrumento de desenvolvimento estadual a ser distribuído igualmente para grandes, médios e pequenos para promover o crescimento econômico de Rondônia.


“Quero deixar bem clara uma coisa: o jogo mudou. Todos participarão igualmente no meu Governo, mas vamos incentivar as pessoas daqui; os trabalhadores do nosso Estado de Rondônia”, avisou.


SERVIDORES PÚBLICOS
"Sempre me dei bem com os servidores públicos. E vou continuar do mesmo jeito. Quem tem recursos humanos bem preparados move o mundo inteiro. Não terei nenhuma greve no meu governo. Todo mundo sabe fazer conta e saberá entender os limites do Estado que são previstos em lei”, declarou.


MEIO AMBIENTE
“Minha política é do desmatamento zero. E fortalecer a boa e necessária relação com o setor produtivo madeireiro, agricultores e fazendeiros, para que de agora em diante, a riqueza deste Estado deve perseguir outros fatores modernos de produtividade, como sejam as recuperação de pastagens degradadas, o plantio de árvores, a criação de peixe, o manejo florestal desburocratizado, rápido e legal”, afirmou Moura em seu discurso de posse. Afirmou ainda ser de primordial importância pôr em prática o zoneamento socioeconômico
e social no Estado.


TRANSMISSÃO DO CARGO
Após a solenidade na Nautillus, o Governador se dirigiu ao Palácio Getúlio Vargas para a transmissão do cargo. Ao chegar foi recepcionado com honras militares e encaminhado à sacada do Palácio onde recebeu a faixa Governamental das mãos do Tenente Coronel PM Lessa. Logo após empossou os secretários em seu gabinete e falou com a imprensa.



Confira o álbum